Creluz

Traduzir Página

terça-feira, 19 de março de 2019

Alunos-soldados começam a ser empregados nas ruas em FW



Neste fim de semana, os 28 alunos-soldados em formação na sede do 37º Batalhão de Polícia Militar (37º BPM) tiveram seu primeiro emprego do estágio operacional em policiamento ostensivo preventivo. O curso começou em novembro de 2018, com 30 concursados, e teve duas desistências. Por enquanto, a previsão do comando é de que permaneçam no município-sede. “Essa questão vai ser avaliada, porque demanda deslocamento e conhecimento de área por parte deles se forem para outros municípios da região, então inicialmente ficarão em Frederico Westphalen, até porque aqui tem suporte do nosso administrativo que pode dar apoio a eles também na rua, porque precisam da orientação de um veterano”, explicou o comandante do batalhão que abrange 15 cidades do Norte do RS, major Alexandre Pereira.

De acordo com Pereira, a turma está preparada para atuar como os demais profissionais, seja em fiscalizações de trânsito ou identificação de pessoas ou veículos suspeitos. “Todo emprego deles é supervisionado. Agora eles estão aprendendo e interagindo com a comunidade na qual trabalharão efetivamente daqui a alguns meses. [...] Podemos dar uma resposta melhor ao trânsito, como em fiscalizações sobre uso de celular e cinto de segurança, além de deixar o POE para operações especiais, para combater tráfico e fazer abordagens em lugares mais perigosos. Por isso sempre foi nossa batalha ter essa turma, agora a população vai começar a sentir os resultados de tê-los aqui”, pontuou.

Como há outros grupos em formação pelo interior do Estado – na região, Palmeira das Missões e Três Passos, por exemplo –, a informação preliminar é de que as formaturas ocorram em agosto de 2019. Depois disso, se forem chamados outros 2 mil aprovados no concurso de 2017, a expectativa é trazer outra turma para Frederico Westphalen a fim de que os profissionais formados fiquem na região do batalhão, que agora possui estrutura adequada para abrigá-los. Fonte: Cristiane Luza/Folha do Noroeste)


Nenhum comentário:

Postar um comentário