Indonésia aumenta nível de alerta para vulcão que provocou tsunami

O governo da Indonésia elevou nesta quinta-feira o nível de alerta para o vulcão que provocou um tsunami no Estreito de Sunda, cuja atividade pode, de acordo com os cientistas, gerar uma nova onda gigante. As autoridades aumentaram o nível de alerta do vulcão para “elevado”, o segundo grau mais importante. A aviação civil recomendou que todos os voos evitem a região.

As autoridades também ampliaram a cinco quilômetros o raio da zona proibida ao redor do vulcão Anak Krakatoa, o “filho” do lendário Krakatoa. Os habitantes receberam ordens para que permaneçam afastados do litoral, após o tsunami que atingiu no sábado à noite as costas do estreito, entre as ilhas de Sumatra e Java.


A Indonésia, uma das áreas mais propensas a sofrer catástrofes no planeta, fica no Círculo de Fogo do Pacífico, onde se encontram placas tectônicas e que registra grande parte das erupções vulcânicas e terremotos do planeta.

Em 26 de dezembro de 2004, um tsunami provocado por um terremoto no fundo do mar de 9,3 graus de magnitude, na costa de Sumatra, na Indonésia, provocou a morte de 220 mil pessoas em vários países do Oceano Índico, 168 mil delas na Indonésia. (Fonte: Correio do Povo)

Comentários