Taquaruçu do Sul estima prejuízo acima de R$ 1 milhão com temporal

A prefeitura de Taquaruçu do Sul, calcula um prejuízo acima de R$ 1 milhão com o cancelamento da Feira do Peixe após um vendaval no último sábado causar a queda de parte da estrutura do evento. Uma pessoa morreu e outras duas ficaram feridas no acidente.

O prefeito de Taquaruçu do Sul, Valmir Menegat, explicou que a feira, que está em sua 12ª edição, é principal geradora de receita do município. “A Feira do Peixe movimenta a indústria, o comércio e o artesanato. São várias entidades que colocam seus produtos em exposição. A gente trabalha vários meses em razão da feira se programando e gerando despesas”, lamentou.

O temporal não chegou a causar danos em residências ou desalojados e desabrigados. Mesmo assim, por conta do prejuízo com o cancelamento da feira, a prefeitura irá encaminhar um decreto de emergência à Defesa Civil do Estado. “Ainda estamos levantando todos os danos. Vamos decretar situação de emergência”, garantiu o prefeito.

Em razão da morte causada pela queda da estrutura da Feira do Peixe, a prefeitura decretou três dias de luto no município. O prefeito Valmir Menegat destacou que no momento do acidente o local tinha poucas pessoas, o que evitou uma tragédia maior. “Tivemos uma perda ainda maior que o prejuízo financeiro que foi a morte de uma pessoa. Felizmente pegou em um horário em que havia pouco público. Senão teríamos tido uma tragédia ainda maior”, afirmou.

Após o envio do decreto de emergência por parte da prefeitura de Taquaruçu, o governo do Estado averiguará se irá ou não homologar o pedido. Caso seja aceito, o município terá acesso a verbas para o reparo de danos. O município tem cerca de 3 mil habitantes. (Fonte: Correio do Povo)

Comentários