Governo fecha fronteira terrestre do Brasil com países vizinhos por 15 dias

Uma portaria assinada pelos ministros da Justiça, Sérgio Moro, da Casa Civil, Braga Netto, e da Saúde, Luiz Mandetta, nesta quinta-feira (19) suspende por 15 dias a entrada terrestre ao Brasil de estrangeiros pelas fronteiras da Argentina, Bolívia, Colômbia, Guiana Francesa, Guiana, Paraguai, Peru e Suriname. A pena aos que descumprirem a norma é de deportação.
O fechamento da fronteira com o Uruguai será determinado em uma portaria específica. A decisão foi tomada para conter a transmissão de coronavírus e os estrangeiros que desrespeitarem a regra estão sujeitos a deportação. A medida não vale para cidadãos brasileiros que estejam em um dos locais citados e queiram entram no país. A restrição também não impede o tráfego de transporte rodoviário de cargas e a execução de ações humanitárias nas fronteiras, desde que tenham sido previamente autorizadas pelas autoridades sanitárias locais.
entrada de venezuelanos já havia sido vetada anteriormente. O texto fala ainda que o prazo da medida ser prorrogado, conforme recomendação técnica e fundamentada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). (Fonte Correio do Povo)

Comentários