Gaúcha sofre acidente na África e pede ajuda para garantir retorno de namorado ao Brasil

As duas fotos de Arianne Batisti e Lucas Pacheco, de Esteio, mostram a virada nas vidas deles após um acidente de trânsito durante as férias do casal na África do Sul. Na primeira, eles aparecem sorridentes e na segunda já no hospital. O drama da vida do casal porém está longe do fim. Segundo o relato de Arianne, nas redes sociais, o acidente ocorreu no dia 1 de junho, quando a viagem estava quase no final. Ela diz não lembrar de detalhes, mas teria envolvido mais de 20 veículos e deixado 15 feridos. Ela quebrou em duas partes o braço esquerdo e teve uma fratura na vértebra C1 da coluna, mas não representou uma lesão na medula espinhal.

O caso de Lucas foi um pouco mais grave. Além de ter quebrado o braço direito teve perfuração no pulmão, por uma costela quebrada, e sofreu uma lesão no cérebro. Em função do traumatismo craniano, ele está em coma induzido desde o dia do acidente. Para fazer a cirurgia na coluna, Arianne conseguiu autorização médica para retornar ao Brasil, onde está internada. Enquanto isso, ele segue em coma induzido na UTI em um hospital privado em Joanesburgo, maior cidade da África do Sul. Os pais dele estão acompanhando a evolução clínica do filho. O casal tinha seguro da viagem, no valor de 40 mil dólares, para cada.

Porém, os gastos dele já ultrapassaram esse valor. Segundo Arianne, apenas a diária na UTI é de 6 mil dólares. Para auxiliar no pagamento das despesas no país africano e tentar trazer o namorado de volta ao Brasil foi criada uma vaquinha para arrecadar recursos. “No momento os médicos não aconselham o transporte, pois o risco é alto. Então, ele vai ficar até ter condições de voar num avião ambulância ou sair do coma”, relatou a namorada. A expectativa é atingir R$ 100 mil, sendo que pouco mais da metade do valor já foi arrecadado. (Fonte: Correio do Povo)





Comentários